SHALOM - ABRIL

EDITORIAL

​AS DUAS PORTAS E O TEMPO DO FIM

 “...Estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem”. (Lucas 13.24).
     Amados, é comum ouvirmos e até ministrarmos essa palavra para os que ainda não aceitaram Jesus; o que é correto; mas, nos dias atuais se faz necessário nos incluir nesse contexto e observar para nós o mesmo conteúdo. Grandes são as dificuldades na vida pessoal, na família, no ministério etc. e inúmeras são as propostas feitas de fora para nos ajudar; pessoas de bem, muitas vezes bem intencionadas, porém, não têm a estabilidade e o conhecimento necessário, ou tendo, lhes faltam o temor à Palavra de Deus.
Em virtude disso, fazemos esse alerta e os convidamos a vigiar quanto à porta que estamos escolhendo para entrar, se a larga, que dá para o caminho espaçoso, ou a estreita, cujo caminho é apertado; sabendo que somente ela nos levará à vida eterna.
Para facilitar a identificação lembramos que para entrar na porta larga os passos são fáceis, não há sacrifício porque as “amizades” e afinidades pessoais, a princípio resolvem tudo; porém, nela nada é feito sem interesse; vai chegar o momento em que essas facilidades serão cobradas em alto preço; além da exposição de caráter nada cristão que essas facilidades deixam.
A porta estreita, para entrar por ela não há custo em valores humanos, monetários ou de bens materiais, mas com renúncia que induz à honestidade e lealdade com alto grau de espiritualidade; é o que a bíblia chama de sacrifício santo e agradável a Deus, que nos levam a oferecer a Ele, que é puro, santo e justo, um culto racional.
A bagagem que passa na porta larga jamais passará na porta estreita, pois do céu será acionado um detector de bagagem, que fará disparar o alarme da consciência, que pelo Espírito Santo rejeitará tudo que está fora dos padrões da vida em Cristo.
 Deus nos abençoe!

                                                                                                                                             Bispo José Francisco da Silva​

 

BATALHA ESPIRITUAL

“Proclamai isto entre as nações, santificai uma guerra; suscitai os valentes; cheguem-se, subam todos os homens de guerra. Forjai espadas das vossas enxadas e lanças das vossas foices: diga o fraco: eu sou forte”. (Joel 3.9-10).
Amados, o desejo do nosso coração é que o Senhor abençoe constantemente cada um,cada família, e cada ministério. Cremos que nesse tempo do fim não podemos dar intervalo no nosso relacionamento com Deus.
Em se tratando de guerra espiritual, lembramos que ninguém entra numa guerra sem identificar o inimigo, suas astúcias e artimanhas; nem sem saber o potencial que dispõe para enfrentá-lo; a não ser que seja inexperiente, o que aumenta ainda mais o risco.
Vale lembrar que a guerra espiritual é travada independente de querermos ou não, o simples fato de sermos filhos de Deus já é suficiente para que ela seja declarada; se lutarmos no Senhor, venceremos; se tentarmos evitá-la perderemos do mesmo jeito. Idenficaremos a seguir alguns pontos dessa guerra: 1º) Ela é invisível mas sentida com nitidez. 2º) Ela não é contra pessoas, mas contra o diabo; por trás de quem nos provoca, está sempre alguém que não vemos, motivando o surgimento de intrigas, mágoas, ódio etc., por isso precisamos de discernimento para identificar e separar o que age de quem o motiva e atacar na base. “As armas da nossa milícia não são carnais, mas poderosas em Deus...” (II Cor 10 4). 3º) O primeiro inimigo a ser enfrentado é a nossa própria natureza humana, nós mesmos. Se não vencermos a nós mesmos dificilmente teremos sucesso nas batalhas espirituais. (Romanos 7.22-23). 4º) Essa guerra não será vencida com estratégia humana; primeiro porque Deus não precisa, e segundo porque as armas da nossa milícia não são carnais. Se a batalha é espiritual, somente em espírito será vencida. 5º) Para entrar nessa guerra, o primeiro passo é sermos vencidos por Deus; (Tiago 4.7). (Sujeitai-vos, pois a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós). 6º) Para não cometer injustiças e eliminar o alvo errado, o discernimento é o dom mais adequado, pois ele nos possibilita a identificação correta do alvo. 7º) Guerrear, nem sempre é dar brados de guerra, ela é travada muitas vezes no silêncio da nossa alma, no agir da nossa consciência, ou na limitação do nosso pensamento; o que nos faz mais dependentes de Deus. Dizer que o inimigo não presta, é fácil, todo mundo entende isso; mas, para sentir que a culpa é nossa tem que ser muito forte; e somente assim, poderemos aceitar o tratamento de Deus, e assim preparados para a guerra. Por isso que o apóstolo Paulo escreveu: “Ninguém que milita se embaraça com negócios desta vida, a fim de agradar àquele que o alistou para a guerra”. (II Timóteo 2.4).
Amados, sem essa consciência e sem esses cuidados não estaremos aptos para fazer as guerras do Senhor.  

                                                                                                                                                    Bispo José Francisco da Silva

 

                                                                                   NOSSAS IGREJAS

IMO KM42 (PRAÇA CASTILHO)

morou mais um ano de fundação. Pastoreada pelo Pastor Marco Antônio Silvestre Gomes, essa obra tem recebido do Senhor uma unção de prosperidade, física, numérica e espiritual.
O ministério local, em apoio ao seu Pastor Presidente, tem focado o amadurecimento espiritual da Igreja, bem como o fortalecimento da sua estrutura organizacional, o que tem motivado todo corpo a se envolver e investir na obra local como reconhecimento da seriedade da sua liderança.
Louvamos a Deus pelo momento dessa amada Igreja e a abençoamos para que continue recebendo do Senhor a aprovação.  
                                                                  Presbitério Deliberativo

IMO REALENGO

Na IMO Realengo ocorreu nos dias 17 e 18 de março, o Congresso de Mulheres. Foram duas noites de muita visitação do Senhor. Parabéns para as amadas irmãs, Deus continue dando a vocês o vigor espiritual demonstrado nesses dias.

 

FRENTE MISSIONÁRIA EM ITAIPUAÇU

No dia 24 de março a Frente Missionária em Itaipuaçu, ligada à IMO Realengo, completou três anos de fundação. O Evangelista Paulo Roberto Álvares, em experiência pastoral, e responsável pelo trabalho, tem realizado um excelente trabalho naquele lugar. Parabéns aos amados irmãos ali.

Parabéns!   

 

IMO MALLET

Nos dias 10 e 11 de março foi a vez da IMO Mallet; as irmãs dessa amada Igreja fizeram também o seu Congresso, e Deus se fez presente ali com grande manifestação do seu poder.
Parabéns!  

 

PENSAMENTO

Com a sabedoria de Deus, ninguém mergulha na lama tentando transformá-la em água potável; assim também, não é sábio nos envolver com o mundo e seu sistema, para tentar mudá-lo. Cuidado! Este ano político é propício para esse tipo de risco.

 

CONCÍLIO REGIONAL

Em cumprimento à agenda anual da IMO, a partir de março de cada ano ocorrem os Concílios Regionais, quando as quatro Regiões Eclesiásticas reúnem as suas lideranças, e além de cultuarem ao Senhor juntos, tratam de assuntos concernentes aos projetos da IMO. São momentos de muita comunhão e fraternidade.

 

PRIMEIRA REGIÃO

No dia 10 de março, na sede da IMO Barra da Tijuca, foi a vez da I Região, Superintendente Pastor Moacir da Cruz Barbeitas, foi uma tarde-noite de muita unção, quando ministraram a Palavra para cerca de 80 obreiros presentes, os pastores Samuel Rezende da Matta e John Wesley Brum. Louvado seja Deus.

 

QUARTA REGIÃO

No dia 24 de março, a IV Região, Superintendente Pastor Marco Antonio de Sá e Souza, realizou também o seu Concílio Anual, na sede da IMO Bangu. Foi uma manhã gloriosa, com a presença de cerca de 150 obreiros. Ministraram a Palavra o Bispo José Francisco da Silva e o Pastor Marco Antonio de Sá e Souza. Deus seja louvado pelo sucesso espiritual desses encontros

 

VISITA ÀS IGREJAS

Nos dias 9 a 11 de março de 2018 o Pastor Marco Antônio de Sá e Souza, 2º Vice Presidente da IMO, esteve visitando a IMO em Feira de Santa; pastoreada pelo Pastor Antônio Aluísio. A visita foi por ocasião do aniversário da Congregação em Asa Branca, bairro próximo da Igreja Matriz.
Os relatos do Pastor Marco Antônio a respeito da obra ali são muito bons, Deus tem feito prosperar o ministério do Pastor Antônio Aluísio, auxiliado pelo Pastor Frankson.
Nessa visita esteve também presente o Pastor Valdemir dos Santos, representando o 15º Distrito do qual é Superintendente. Parabenizamos a CG em Asa Branca e abençoamos em nome de Jesus todos os amados irmãos desse Distrito Eclesiástico                                                                                                                                                                .Presbitério Deliberativo

 

LEMBRETES ADMINISTRATIVOS

Para fins de preservar a denominação de qualquer influência político partidária, tendo em vista o art. 1º do seu Estatuto e finalidade nele transcrito, e ainda que orientando a todos os irmãos que cumpram com o seu dever cívico de votar, o Presbitério Deliberativo da IMO lembra que nenhum pastor filiado ao ministério IMO está autorizado a se candidatar, na condição de pastor, a qualquer cargo eletivo; a não ser que abra mão do seu ministério.
Em função disso, todos os candidatos ao ministério pastoral na IMO, devem ser informados de que não serão aceitos para tal, caso tenham a pretensão de se candidatarem em algum tempo, a cargo político partidário devem pensar antes de ser consagrado pastor.                                                                                                                    Presbitério Deliberativo

 

ATENÇÃO​ 

Lembramos aos amados pastores e dirigentes de trabalho, a importância de manter em dia o Dízimo dos dízimos e as ofertas de missões de suas Igrejas. Esse é um compromisso bíblico e estatutário que assumimos no momento em que aceitamos pastorear com fidelidade à IMO e aos seus princípios; o que também credencia cada pastor, a pregar sobre dízimos e ofertas para as nossas ovelhas.
Não pedimos dinheiro; mas, lembramos o cumprimento de um dever bíblico; que é o mínimo que se pode esperar de um obreiro fiel.
Porém, fazemos questão de externar a nossa gratidão a Deus pela vida de todos que têm honrado esse compromisso com a IMO, e com isso nos ajudado a manter funcionando a nossa denominação e abençoado vidas e ministérios. Deus, na sua infinita misericórdia, continue abençoando ricamente a cada um.

 

79º CONCÍLIO GERAL

Amados, nos dias 21 A 23 de setembro, sexta-feira a domingo, será o nosso Concílio Geral no mesmo local do ano passado; contamos com todos os amados irmãos. Em breve estaremos enviando, em uma carta específica, todos os detalhes do evento.
De antemão, lembramos aos amados que nesse ano será realizada a eleição para a Diretoria que administrará o quadriênio seguinte; pelo que, pedimos orações e que se esforcem para estar lá.
O custo esse ano será de: R$ 240,00 para todo período e uma diária R$ 130,00; o que consideramos investimento para o seu ministério.
Teremos também no domingo a ordenação de pastores; pedimos aos amados pastores presidentes que irão apresentar candidatos ao pastorado, que comecem a tomar as seguintes providências:
1º) Procurar os seus Superintendentes Distritais e Regionais e apresentar o nome dos que vão ser consagrados.
2º) Após ouvirem os Superintendentes devem encaminhar os dados dos candidatos aprovados para a sede da IMO a fim de adiantar o certificado e a ata de ordenação.

 

INFORMAÇÃO ADMINISTRATIVA

Comunicamos o desligamento do ministério IMO, a pedido, os pastores: Tiago Cardoso Nunes, que esteve cooperando com o Pastor Jorge Antonio em Itaocara, e Adelson Francisco dos Santos, dirigente da Congregação do bairro Felicidade, em Teófilo Otoni.
Ambos solicitaram desligamento. A CG do bairro Felicidade continua na IMO sob a liderança ministerial do Presbítero Jadson Pereira de Souza, dirigente da IMO Teófilo Otoni.

 

 

                                                                                              Você é muito importante para o sucesso deste Shalom​